quarta-feira, 29 de agosto de 2007

Red Bull Air Race - Porto, 1 de Setembro



O Red Bull Air Race é uma competição eletrizante em que os pilotos mais talentosos do mundo desafiam uns aos outros em uma corrida aérea de velocidade, precisão e habilidade.

A competição apresenta uma nova e dinâmica categoria de pilotagem conhecida por “Air Racing”, onde o objetivo é seguir uma rota cheia de desafios no céu fazendo o menor tempo possível. Voando sozinhos contra o relógio, os pilotos devem executar giros apertados em um circuito slalom que consiste em mastros ou pilões especialmente projetados chamados de “Air Gates”.

O Red Bull Air Race não é só velocidade – a precisão é crucial para o sucesso, pois qualquer erro incorre em penalidades ao tempo do piloto. Voar perto do chão a velocidades que podem alcançar até 400 km/h enquanto se tenta difíceis manobras em curvas requer uma habilidade imensa que apenas um certo número de pilotos no mundo possui. Por isso os pilotos são selecionados a dedo de acordo com suas perícia e experiência. Esses pilotos estão no auge de suas carreiras. E têm mesmo que estar – o Air Race exige muito de suas habilidades de pilotagem. Para se ter uma idéia eles têm que suportar forças de até 10G. Não há espaço para erros.

O que faz o Air Race tão eletrizante e interessante para os espectadores é a proximidade com a multidão. Vôos baixos em uma rota relativamente compacta dão às pessoas um gostinho da emoção de perto.

A criação do Air Race foi idealizada pela Red Bull, que convidou o renomado piloto húngaro Peter Beseynei para ajudar a refinar o conceito do evento. O primeiro Red Bull Air Race aconteceu no Air Power em Zeltweg, Áustria, em 2003. O evento foi reconhecido como um grande sucesso. Estava claro que a competição tinha enorme potencial. Os Air Races subseqüentes aconteceram na Hungria, Inglaterra e Estados Unidos e seguiram uma evolução até chegarem no formato atual: o Red Bull Air Race World Series.

A primeira série mundial começou em 2005, acontecendo em 7 lugares diferentes do mundo com 10 pilotos aclamados internacionalmente competindo. 11 pilotos participaram da edição de 2006 do Red Bull Air Race World Series em 9 localidades internacionais espetaculares, quando o americano Kirby Chambliss ganhou o título de campeão mundial na etapa final em Perth, na Austrália.

Este ano aos pilotos que competiram em 2006 vão se juntar mais dois ases da aviação, que passarão pelos céus de 10 cidades ao redor do mundo.

As corridas aéreas têm raízes nos Estados Unidos, mas diferentemente daquelas competições em que o objetivo é puramente velocidade, o Red Bull Air Race traz outra dimensão para o desafio: a habilidade. Eles estão usando alguns dos aviões mais leves, ágeis e sensíveis que existem. No entanto, essencialmente, são a perseverança e a habilidade do piloto que determinam quem será coroado o próximo campeão do Red Bull Air Race World Series.

1 comentário:

Correntes disse...

Vai ser um espectáculo!